Fada, Miguel, Irmandade e Manifestações Sobrenaturais - 26/11

by - 11:59


Olá seres de luz,

Faz um tempinho que não venho compartilhar minhas experiências com vocês, né? Tem tanta coisa acontecendo de uma vez, tanto trabalho e tanta sincronicidade que fica difícil parar e relatar. Mas o que aconteceu nesse dia, 26 de novembro de 2018, vale muito a pena ser contado.

Primeiramente, na madrugada desse dia eu tive um sonho bem apocalíptico. Estava num lugar onde havia uma multidão de pessoas. Era tudo meio desértico, em ruínas e também vi zumbis. Muitos estavam aterrorizados e fugindo da ameaça zumbi, porém eu e o meu grupo estávamos bem tranquilos. Não conhecia as pessoas do meu grupo e não me lembro de ter falado uma palavra nesse sonho. Fomos até uma casa onde um senhor negro se escondia debaixo da cama e entre a cama e o chão tinha uma tela de galinheiro para o proteger. Ele estava com muito medo, mas nós continuamos nosso caminho. Um grande fluxo de pessoas estava andando numa fila, mas eu e meu grupo estávamos andando contra a corrente, na direção oposta. Aí o sonho se encerra.

Não vou me valer de interpretá-lo agora, mas ele é importante para entenderem como tudo aconteceu.

Esse foi um dia lindo, eu estava muito inspirada. Compus uma música e alguém do insta me indicou uma artista nova chamada Ajeet Kaur no qual amei e já comecei a usar no TREE. Tive dois atendimentos incríveis em que ambos sentiram fortemente a presença crística. 
À noite, a Laura chegou em casa e começou a falar sobre as informações que vieram até ela naquele dia sobre a Confederação Galática e e as hierarquias espirituais. Quando ela começou a falar sobre a grade energética da Terra, num estalo me lembrei do sonho e a suposta proteção do cara debaixo da cama que era a tela de galinheiro. Meu corpo começou a vibrar de energia e então decidimos meditar no portal (temos um quarto especial na casa só para meditações), mas antes, senti de pegar o símbolo do cubo de Metatron que trouxe do Peru.

 Coloquei o álbum da artista que tinham me indicado e começou com uma música que é realmente um chamado fortíssimo:
Então começamos a meditação e, de repente, o cubo de Metraton tinha se tornado uma chave de ativação entre nós, em nós. Um volante interdimensional onde os nossos movimentos fluíam em perfeita sincronia. A Laura falava intuitivamente e cada palavra dela era sentida por mim em cada célula. Até que ela chamou pelos intra-terrenos e eu incorporei um ser que nunca havia sentido a energia antes. Era uma fada! A sensação era bem estranha, não de um jeito ruim, mas era como se metade do meu rosto tivesse uma certa densidade, como se ela tivesse acoplado ali. Ela ria e era bem curiosinha, e o mais louco é que mesmo de olhos fechados eu via TUDO como se meus olhos estivessem abertos. A fada assoprou algo na mão da Laura e dançava sem parar. A Laura começou a falar "que asas lindas!" e parecia que os sons que a fada fazia era algo parecido com "aaaaaasaas".

Depois senti uma outra energia, mais familiar, que me fazia cantar, senti que eram os pleiadianos. A voz ecoava e junto vinha uma força tremenda. Parecia que estava preparando para algo vir. E foi nesse momento que a Laura disse algo sobre o Verbo e o Logos. No mesmo instante eu fui ARREMESSADA na parede porque veio um fluxo de luz tão forte que meu corpo literalmente sentiu o impacto, inclusive a Laura sentiu a onda de energia. Minha consciência sempre presente, mas totalmente entregue. Foi quando eu senti que estava incorporada com a energia angélica. Meu corpo físico oscilava entre pura leveza e um choro sentido de pura presença e entrega. A Laura disse "eu te honro, eu nos honro! Mikaela!" e só aí a presença de Miguel se manifestou em palavras:

"REÚNE O EXÉRCITO. ACOLHE."

E foi embora.

Quando voltei completamente para mim, abracei a Laura e me senti fundida com ela, numa só célula. Era pura irmandade. De olhos fechados eu via um portal dourado se abrir. Senti meu coração se encher de gratidão por estarmos juntas, pelo nosso reencontro, por como nossas almas escolheram trabalhar juntas muito antes de nos conhecermos. Amor e gratidão fluíam do nosso ser. Começamos então a aterrar e sentir a energia da Mãe Gaia. Minha bruxa veio e colocou a mão no útero da Laura, que estava na fase da bruxa, e disse "JASPE". Na mesma hora ela se viu mergulhando num cálice de sangue. Foi muito forte e intenso. Ficamos extasiadas.
A Lótus veio deitar no meu colo e me ajudou a aterrar de vez. 



Começamos a contar o que cada uma sentiu, viu e acessou. E desliguei a música para conversarmos. 
Laura começou a falar que nós estávamos na nossa nave, a mesma estava sendo construída no astral. Ela se sentiu realmente dirigindo uma nave com o cubo de Metraton. Além do mais, este símbolo literalmente traz o Corpo de Luz para viagens astrais.
Ficamos pensando no que gostaríamos que tivesse na nossa nave... um centro com um santuário onde haveria a pirâmide espelhada, a cor seria cristalina e deixaria rastros de luz arco-íris. A gente tava construindo algo com leveza e inocência de criança. Quando, do nada fui tomada por uma visão de olhos abertos enquanto olhava para a Laura, e nos vi em Brasília num reencontro com os nossos mentores e nossos Eus do futuro! Eu comecei a negar porque não estava acreditando no que estava vendo, mas aí a Laura falou "é real. Me conta". Quando eu contei, ela ficou em choque porque no dia anterior ela teve a mesma visão, mas contou só para a Mari. A gente começou a chorar de tão linda que era a visão e a sensação. E aí DO NADA o celular começou a tocar uma música sozinho e que se chamava "Dance of Ganesha" e era o mantra "om gam ganapatayei namaha".
A gente se olhou tipo O QUE ESTÁ ACONTECENDO??? Eu só sabia chorar hahaha Foi a manifestação real do sobrenatural na matéria hahah eles adoram brincar com as tecnologias.
E como se não bastasse, quando fui olhar o que significava o mantra que começou a tocar misteriosamente pasmem: "Eu te saúdo, Senhor das TROPAS."
E o que Miguel tinha falado???? Reúna o exército!
Ganesha apareceu como esse símbolo de ouro para representar a remoção de qualquer obstáculo do caminho da nossa missão e a prosperidade que nos é oferecida por servirmos à Luz de todo coração.
Foi um dos dias mais marcantes desse ano pra mim. E agradeço muito pela presença da Laura na minha vida!!! Sem ela, eu não conseguiria trazer e viver tudo que estou vivendo hoje. Eu nunca experienciei com outro ser tantas manifestações do divino assim. É IMPRESSIONANTE!
Quando terminamos, olhamos no relógio e: 01:01. Claro...
Só sei que esse fim de ano tá sendo uma preparação para algo muito maior do que possamos imaginar. E pela primeira vez, graças a todo suporte que recebo, EU ESTOU PRONTA. EU ME SINTO PRONTA. FORÇA, PODE VIR!
Eu estou pronta para a Vida em Abundância!
Eu Sou a Transformação.
Eu Sou o que EU SOU!
Ontem me veio um belo aprendizado, que integrou algo a mais na teoria, e é:
EU e TU - opostos em sentido, iguais em forma (duas letras) - dualismo e espelho
NÓS - o 3, o Caminho do Meio, a soma de eu + tu = 4 - TOTALIDADE
Nós somos o 1 que é 4
Cada 1 é 1 no Todo.
Deixa isso ressoar, não precisa entender.
Gratidão por lerem meu relato, a intenção é compartilhar minhas experiências e fazer a energia do que senti ressoar em quem está de cardíaco aberto.
Nos amo imensamente!
Evy

You May Also Like

2 comentários

  1. Eu estou maravilhada com seus relatos! Gratidão incondicional

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. fico tão feliz por saber disso! gratidão por se fazer presente aqui <3

      Excluir